IMPRENSA | SBACV Acontece

os primeiros resultados da campanha nacional de segurança na escleroterapia

 A Campanha Nacional de Segurança na Escleroterapia, lançada no último dia 13 de junho, conquistou os internautas e foi tema de reportagens em sites de notícias em todas as Regiões do Brasil.

O chamamento à conscientização sobre a importância de tratar vasinhos e varizes com um médico especialista Vascular e o alerta sobre riscos de procedimentos realizados por não médicos geraram um aumento de 500%  nas ações da página https://www.facebook.com/sbacvnacional/, de 153% no alcance e de 87% no envolvimento, na última semana. Só nas primeiras 48 horas, o post de lançamento da campanha, isolado, somou 450 compartilhamentos. Nos últimos oito dias, houve um aumento de 901% no índice de visualizações de vídeos na página. Do total de ações, 75% ocorreram por meio de um dispositivo móvel.

O Presidente da SBACV, Dr. Roberto Sacilotto, destaca que esta é a primeira fase da campanha, que terá outros desdobramentos no segundo semestre. “Agradecemos o empenho e o envolvimento dos nossos associados. Estamos fornecendo materiais para que possam compartilhar em suas redes e colocamos nossa assessoria de imprensa à disposição das Regionais para auxiliar no agendamento de entrevistas. A colaboração tem sido incrível no Brasil inteiro e tem fortalecido o nosso relacionamento com os associados. Além do canal de denúncias no site http://www.sbacv.org.br/defesa-profissional, desenvolvemos mensagens conscientizando a população sobre o papel da Vascular e os riscos do exercício  ilegal da medicina, considerando que quem realiza ato médico sem formação está cometendo um crime. Temos sido procurados até por outras especialidades, querendo se unir à nossa campanha, que é uma das vertentes do nosso programa de Defesa Profissional. Eu e nossa diretoria de Defesa Profissional temos participado ativamente de reuniões na Associação Médica Brasileira (AMB) sobre o tema e buscado incansavelmente a melhoria de honorários. No segundo semestre, vamos partir para a segunda etapa do trabalho, com foco no compromisso e na valorização, que incluirá ações de rua, envolvimento de outras esferas do poder público e sociedades médicas, sempre compartilhando com os nossos associados e Regionais.” declara.